18 maio 2009

• A MUSICOTERAPIA - O QUE É? E A QUEM SE DESTINA? •

A Musicoterapia é uma forma de terapia alternativa que utiliza a música no tratamento de pessoas com problemas tanto de ordem física quanto emocional, mental e cognitiva.

Teve início no século XX, onde após as duas guerras mundiais, músicos amadores e profissionais passaram a tocar em hospitais de países da Europa e Estados Unidos. A partir disso, médicos e enfermeiros puderam notar melhoras no bem-estar dos pacientes que ali se encontravam.

As pesquisas em relação ao poder exercido pela música começaram na década de 60, quando o médico e escritor inglês Oliver Sachs, começou a pesquisar o efeito da música em pacientes com a doença de Parkinson.

A terapia da música pode ser utilizada no tratamento de dores, reabilitação de acidentes vasculares cerebrais (AVC), lesões traumáticas, na melhora da coordenação motora tanto de crianças, como jovens e idosos com deficiências neurológicas, com pessoas cegas ou surdas, doentes de Parkinson, mulheres grávidas, deficientes físicos, entre outros.

A presença da música no dia-a-dia auxilia no desenvolvimento físico, pessoal, social, intelectual e emotivo, melhorando a qualidade de vida.


ABAIXO: Vídeo retirado do blog de Antonio Rossa. Entrevista com a musicoterapeuta Francisca Cavalcanti.

7 comentários:

Transitoriamente 29 de junho de 2010 06:56  

Obrigado pela adição do vídeo.
Ficamos muito feliz.
Além disso, para os estudantes e apreciadores da Musicoterapia fica a dica dessa excelente profissional, Francisca Cavalcanti.

Um abraço,
Equipe Transitoriamente

www.transitoriamente.com

Transitoriamente 29 de junho de 2010 06:57  

Obrigado pela adição do vídeo.
Ficamos muito felizes.
Além disso, para os estudantes e apreciadores da Musicoterapia fica a dica dessa excelente profissional, Francisca Cavalcanti.

Um abraço,
Equipe Transitoriamente

www.transitoriamente.com

Anônimo,  6 de maio de 2011 12:17  

fiz um teste vocacional e apareceu essa profissão,mas não sei se vou ser por que é uma profissão arriscada por que não há reconhecimento e conheço muito pouco sobre ela.Gostaria de mais informações, quem sabe este é o meu Futuro?

Anônimo,  22 de outubro de 2011 17:26  

gostaríamos de informar lhes que a musicoterapia não é uma terapia alternativa.
Entendemos como uma ciência que estuda a relação do homem com o som o movimento e a música, seus estudos estão postados em datas anteriores...porém o termo utilizado como musicoterapia realmente surge nos estados unidos coerente com este texto...

Manoel 9 de julho de 2012 18:51  

Parabéns pelo blog e pela postagem...

Anônimo,  11 de outubro de 2012 13:08  

gostei muito.Estou fazendo enfermagem e mes que vem vou em uma escola com crianças de 7 a 10 anos gostaria muito de sabe como devo fazer com elas

Ruan Guimar 4 de janeiro de 2013 05:23  

Meu sonho, é me formar e ser um musicoterapêutico.

Postar um comentário